20 de setembro de 2018

O que eu aprendi com o Feminismo

via
Sim, eu era uma daquelas pessoas que jugava não conhecer as ideias que o Feminismo aborda, infelizmente. Mas, nada que um dia após o outro. Assim que eu mudei de cidade, fiz amizade com pessoas que têm o lado feminista, o que me fez abrir o olho para o cotidiano da mulher e aderir ao movimento como uma causa que eu tenha de defender todos os dias.

Por incrível que pareça, ainda há pessoas que criticam o Feminismo (muitas delas, mulheres, o que me parte o coração), mas só prova o quanto o mundo ainda é cego para com esse movimento de extrema importância.

No nosso mundo, dominado por homens, é importante que nós, mulheres, tenhamos noção dos nossos direitos e daquilo que podemos fazer sem abalar nossa imagem.. Então, lá vai uma lista!

1. Você pode sim transar no primeiro encontro, isso não te classifica como inferior!
2. Você não precisa de alguém para que você seja completa - sinta-se sempre assim, independente de estar solteira, namorando ou casada.
3. Você pode beber, ficar bêbada e dar PT.
4. Você pode ficar com vários numa noite só - beijar é ótimo, pra quê restringir a uma pessoa? hehehehehehe
5. Você pode se vestir da maneira que quiser, aproveita o calor e abusa no short curto.
6. Você tem a liberdade de falar palavrão sempre, inclusive, mandar tomar no cu é o melhor argumento, experimentem!! 
7. Você deve se sentir linda, independente do que a sociedade dita, já se olhou no espelho e disse a si que se ama, hoje?
8. Seu corpo, suas regras - é clichê, mas tenha sempre isso em consciência. 
9. E, por último, mas não menos importante: você pode o mundo garota, pode tudo, e só quem pode te parar é você mesma!

No entanto, também há uma lista do que nós, mulheres, não podemos fazer:

NÃO VOTAR NO BOLSONARO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

É notório que o tema desse post é a noção de que nós, mulheres, podemos fazer o que quisermos, num mundo dominado pela figura masculina, mas tenha sempre consciência dos nossos direitos e daqueles que tentam infringi-los. Juntas, somos mais!

Com amor, 
Larissa

7 de junho de 2018

Dica: como estudar sozinha para o Enem

 via
via
Falta pouquinho mais de seis meses para o tão temeroso Enem, o exame mais aguardado do ano e o que mais assusta a maioria dos estudantes.

Pensei que eu nunca mais precisasse realizá-lo, mas, aqui estou, numa postagem, compartilhando com vocês dicas de como estudar para o Enem sozinha, coisa que eu venho fazendo há semanas.

Então, se você está nesse mesmo rumo, continua lendo esse post que (eu juro) contém dicas infalíveis!!!

1. Trace Metas:

Todos os dias, trace metas. Faça uma lista do que você precisa estudar durante o seu dia e tente cumpri-la. Se não conseguir, faça um esforço para estudar o conteúdo acumulado no dia seguinte.

2. Assista vídeo aulas:

Juro para vocês que, no Youtube, encontramos anjos (ou seriam professores) que nos ensinam matérias super chatas em questão de minutos e de forma didática - dependendo do canal, você assiste o vídeo por completo e nem percebe hahaha

3. Baixe calendários já organizados:

No Guia do Estudante, encontramos calendários (DE CADA MÊS) com matérias já selecionadas para você distribuir na semana, é só baixar e mandar brasa!

4. Procure exercícios online:

Há sites com diversos exercícios online, de diversos conteúdos que já caíram e que podem cair no Enem.

5. Anote os pontos mais importantes de cada assunto:

Reserve um caderno e esteja sempre anotando, isso ajuda a memorizar o conteúdo, acredite.

As dicas são boas, vai...Beleza, não é fácil, mas também não é difícil. Que tal pensar naquela vaga na universidade tão sonhada? O início dos seus sonhos sendo realizados? Então, é um preço bem barato a se pagar, né? Pois cuida em estudar, meninx! :)

23 de maio de 2018

Sobre seguir em frente e não olhar para trás



Estava anoitecendo. Era por voltar das cinco e meia da tarde. Mal se via a luz do sol nesse horário, o que fazia parecer mais tarde. Estava na varada. Sentada, naquela cadeira em que compramos juntos numa lojinha de usados da Rua 8, observando as pessoas lá em baixo, caminhando. Na mente delas, elas nem imaginam a confusão em que a minha vida virou depois que você foi embora.

Parecia em que, a cada soprada de vento, o cheiro do seu perfume me inalava, mas eu acho que era só saudade. Saudade desse mesmo cheiro grudado no travesseiro ou na toalha ou até mesmo no sofá.

O céu indicava que ia chover. As nuvens pareciam pesadas e, com isso, mais lembranças invadiam a minha mente. O nosso ritual de dias chuvosos: filmes preto e branco, uma manta bem fofinha e um chocolate quente. Assim como todo o resto, isto não em pertencia mais e eu tinha de lidar com essa mudança.

Ao passo em que isso inundou a minha memória, ouvi a buzina de um carro lá em baixo. Aparentemente, por culpa de um motociclista, e, mais uma vez, veio mais lembranças suas, o que me fez acordar e, rapidamente, expulsar tudo aquilo da minha cabeça.

Voltei para dentro de casa. Coloquei um filme, não em preto e branco como costumávamos fazer, mais um colorido e de muita comédia, para que todas as suas lembranças fossem embora (ou seria para ouvir o som da minha própria risada?). Fiz um balde de pipoca, e, lá fora, a chuva começava a cair.

Aos poucos, fui criando um novo ritual. Um ritual para quando eu estivesse na minha própria companhia. Um ritual para quando eu tivesse o privilégio de me ter, um ritual só meu, um ritual sobr seguir em frente, quebrar algumas barreiras e não olhar para trás, rumar para um novo caminho e sem arrependimento nenhum, um ritual para quebrar outros rituais, um ritual para chamar de meu!


Motivos para você ver Vingadores - Guerra Infinita (imediadamente)



Começo esse post dizendo que toda nossa espera valeu à pena. Guerra Infinita, sem dúvidas, (na minha humilde opinião) é um dos melhores filmes já produzidos pela Marvel. Então, se você é uma dessas pessoas que não teve o prazer de assisti-lo, estou aqui para encorajá-lo a ir ao cinema mais próximo, comprar o ingresso para a próxima sessão de Vingadores e curtir cada minuto dessa obra prima. So, let's go!

1. A história encerra um ciclo

Como todos sabemos, a fase atual da Marvel está chegando ao fim. alguns atores, inclusive, não tiveram o contrato renovado para futuros filmes, como Robert Downey Jr, (o que é uma pena), fazendo com que a estória se encerre e dando oportunidade para novas aventuras com os nossos heróis favoritos.

2. O elenco

Como já esperado, o elenco em peso da Marvel se faz presente nesse filme. Ícones como: Homem Aranha, Homem de Ferro, Feiticeira Escarlate, Visão, Capitão América e outros aparecem (para a nossa alegria e euforia). Creio que todo dinheiro pago aos atores desse filme daria para quitar a dívida externa do Brasil (é gente talentosa demaaaais, minha gente).

3. Os efeitos especiais

Saí do cinema atordoada não só com a estória, mas também com todos os efeitos (amigos, o nosso vilão Thanos é muito bem feito) . Se esse filme não for (ao menos) indicado ao Oscar por efeitos especiais...

via
4. As referências

Quem é fã e acompanha toda a fase da Marvel, desde o primeiro Homem de Ferro, deve ter adorado ver todo tipo de referência nesse filme (sério, é muito bom ver a resposta de tantas perguntas feitas há anos atrás). Vingadores veio para colocar todos os pingos nos Is.

5. Gostinho de infância

O primeiro filme da fase atual da Marvel foi há 10 anos atrás, e eu tinha exatamente 12 anos. Querendo ou não, em todo filme, vem aquele gostinho de infância, de ver que tudo que você acompanhou até agora está chegando ao "fim", encerrando-se um ciclo e dando chance à novos caminhos e oportunidades.

Eu juro que não vejo a hora de assistir esse filme mais uma vez!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

22 de março de 2018

5 lições que eu aprendi em 2017


Nunca é tarde para falar sobre aprendizado, e 2017 foi um dos anos em que eu mais aprendi (às vezes, da pior maneira possível).

A vida (ou seria Deus?) é danada para querer te testar, e, por isso, surgem alguns desafios, uns necessários, outros nem tanto. A gente quebra a cara, levanta, depois quebra de novo, mas, no fim, sempre podemos tirar algo de bom disso tudo.

Por isso, estou aqui para compartilhar com vocês cinco aprendizados que vieram até mim em 2017.

1. É necessário saber dizer ADEUS.
Fiz até um texto sobre isso aqui no blog. Muitos já sabem do que se trata, e foi justamente sobre o fim do meu relacionamento (de 4 anos). Foi uma decisão muito difícil, mas que, em momento nenhum, me trouxe arrependimento.

2.  Pessoas incríveis vão entrar na tua vida.
Com relação à amizade, eu não tenho do que reclamar. Em 2017, eu conheci pessoas maravilhosas, que, hoje, eu chamo de irmãos, parceiros, amigos ou camaradas. Pelo menos nesse quesito, eu posso dizer que meu ano foi incrível.

3. Sua saúde mental também é muito importante!
Infelizmente, descobri, da pior maneira, que eu também tenho de tratar da minha saúde mental, e não apenas quando eu estiver em crise, mas todos os dias. Nossa mente pede uma atenção diariamente. Por isso, é sempre importante tirarmos um tempo para apenas refletir, meditar e cuidar da mente.

4. Tudo tem seu tempo. 
Em 2017, esse foi o meu lema, e, depois que eu aprendi isso, tudo na minha vida começou a fluir. Inclusive, comecei a repetir isso para todos ao meu redor, e, quando o tempo resolvia tudo, eu chegava em cada um e dizia: num disse!? hahahaha melhor sensação :)

5. Reencontrar velhos amigos pode ser melhor do que você imaginava. 
O tempo pode ser bom mas mal, simultaneamente. Ele é danado para afastar as pessoas, cada um vai pra um lado, seguir caminho distinto. Mas, quando o reencontro acontece, parece que dia nenhum se passou, e os papos ainda são os mesmos, o sentimento ainda permanece muito forte e a animação de ainda ter aquela pessoa no teu ciclo de amizade ainda é incrível.

2017 não foi o meu melhor ano. Tive mais coisas ruins do que boa, sem dúvidas, mas, apesar disso, eu posso dizer que valeu à pena ter vivido tudo o que eu vivi. É bem clichê, eu sei, mas todos os problemas que eu enfrentei, no ano passado, me trouxeram algum tipo de aprendizado. Então, que 2018 me traga tantos ensinamentos que 2017 me trouxe, mas, dessa vez, que eu aprenda com os acertos hahaha! Feliz ano novo para vocês :)

20 de março de 2018

Dicas para organizar seu guarda-roupa

Imagem de autumn, fall, and clothes
via
Quase sempre, eu passo por essa situação, e eu acho que não há uma mais chata. Ninguém merece ter que lidar com tantas peças, tantos cabides e ver qual a melhor maneira de organizar um armário. Então, decidi fazer esse post com algumas dicas de amenizar a dor e o tédio de organizar um guar-roupa/closet.

1. Coloque uma música bem alta

Faça uma playlist com as suas músicas favoritas (se você tem muita peça, faça uma playlist bem longa e animada).

2. Procure deixar as suas peças mais esquecidas à vista

A fim de que sempre lembre delas quando for para algum lugar. Eu acabo usando sempre as mesmas roupas por lembrar somente delas e acabo esquecendo algumas melhores porque sempre estão escondidas em algum lugar.

3. Separe as roupas em categorias: academia, casa, praia, festa e assim por diante

Assim, dependendo da ocasião, você vai saber exatamente onde ir.

4. Separe as roupas por cores

Outra opção é de separá-las por cores e deixar seu armário mais harmônio - confesso que é esse o jeito que me cabe melhor e que é organizado meu armário.

5. Deixe seu armário perfumado

Sabe aqueles sabonetinhos bem baratinhos que são fáceis de encontrarmos? Então, providencie eles e deixe em pontos específicos, a fim de que sempre fique um cheiro agradável, tanto no armário como no guarda-roupa.


6. Cabides sempre na mesma posição

Assim, fica bem fácil você tirá-los e colocá-los.

16 de março de 2018

Dica de série: Scream

We Can Be Heroes

Sabe aquela série que te prende a todo episódio? Então, Scream tem esse poder em qualquer pessoa que a assista.

O enredo gira em torno de várias assassinatos que ocorrem na cidade de Lakewood. Os colegas e amigos da Emma Duval, interpretada pela linda e maravilhosa Willa Fitzgerald, começa a ser assassinados, além dela ser perseguida por um desconhecido, através de ligações e mensagens de texto. O mais perturbador é que os mesmos acontecimentos ocorreram com a mãe dela, 20 anos antes.

A série é bem juvenil. Os personagens são jovens e estão sempre atrás de resolver tudo sozinhos, o que, claro, na maioria das vezes, não acaba bem.

Além disso, há muitas referências, e as melhores são às nossas séries favoritas, How To Get Away With Murder, por exemplo.

Infelizmente, nem tudo são flores. Uma dica para quem for assistir Scream: não se apegue aos personagens - algo bastante difícil, mas bastante possível.

Fora isso, Scream é uma obra original da Netflix, o que quer dizer que há todo um investimento por trás da produção, consequentemente, vale à pena passar cada minutinho livre na Netflix e acompanhando Scream.

Todos meus amigos que acompanham a série adoram e foram eles que fizeram com que eu desse o primeiro play.

Por isso, aproveita que estamos pertinho de alguns feriados, e arroxa no Scream! :)

15 de fevereiro de 2018

Lições que eu aprendi num carnaval repleto de amor


2018 foi um ano que não começou bem para mim. No entanto, já no início de fevereiro, pude sentir a animação de uma das épocas mais festivas do país, e, principalmente, ao lado de pessoas incríveis. Por isso, estou aqui para compartilhar algumas das lições que eu aprendi nessa época carnavalesca e que eu pretendo levar para o resto da vida.

1. Quem faz a festa é a turma e não o lugar

Isso é uma das maiores verdades que eu pude vivenciar nesse feridão. Eu moro num lugar agitado, mas nunca me senti tão animada ao pular carnaval numa cidade de interior.

2. Você pode conhecer (ou se aproximar) de pessoas incríveis

Eu estou numa fase em que eu estou me permitindo conhecer pessoas e ter novos amigos. No meu caso, neste ano, eu me aproximei de pessoas que eu já sabia que eram incríveis.

3. A chuva pode vir para animar mais a sua festa e não estragá-la

Já tentaram curtir uma festa vestindo uma blusa com as costas nuas e um short curto? Pode ser a pior coisa do mundo juntando com o frio, mas, às vezes - como foi no meu caso - saiu melhor do que encomenda.

4. Você vai ter histórias para nunca esquecer e comentar até o próximo carnaval

Definitivamente, carnaval rende várias histórias, algumas que não serão nunca esquecidas e nunca deixarão de ser comentadas.

5. As fotos (queimas, como costumamos dizer) são a melhor parte

Eu não canso de abrir a galeria de fotos do meu celular. Cada foto é uma lembrança boa, uma saudade. São memórias que eu quero levar sempre!

Será se já estou ansiosa para o carnaval de 2019? hahaha <3

8 de janeiro de 2018

10 coisas que eu A-M-O no meu Cariri


Para quem não sabe, Cariri é o nome de uma das regiões daqui do meu Estado (Ceará), e ela está cada vez mais em desenvolvimento. Uma das melhores coisas que me aconteceu foi ter tido a oportunidade de conhecê-la e ter contato direto com as pessoas daqui (nesse momento, estou escrevendo esse post numa das cidades dessa mesma região).

Sendo assim, eu não poderia deixar de escrever sobre dez coisas que torna essa região absurdamente única!

1. As pessoas são absurdamente receptíveis, principalmente com alimentação. Constantemente, elas te oferecem algo para comer. Sempre que eu venho para cá, ganho um ou dois quilos (no meu caso, é uma coisa maravilhosa).

2. Tudo é pertinho e a maioria das coisas você pode fazer à pé, sem precisar se preocupar com ônibus ou uber ou táxi.

3. Cachaça é o lema, num é à toa que eu comecei a beber por aqui. Foi no Crato (uma das cidades da região, e a que eu mais amo) que eu conheci o lado bom da cana.

4. Os jovens daqui são muito animados, muuuuito mesmo!!!!! Em todo final de semana, há algo a ser feito por aqui. Ficar em casa vendo Netflix? Só um sábado do mês, viu!

5. O sotaque é um dos mais lindos que eu já escutei, bem carregado e cheio de gírias. Sonho com o dia que eu vou falar como eles hahaha!

6. Gastar muito? Aqui não tem essa, viu! Comparado com Fortaleza, aqui é tudo muito baratinho.

7. É impossível ficar triste ao lado de um cidadão que reside no Cariri, por mais que sejam difíceis os tempos pelos quais você está passando.

8. Arrumar um apelido por aqui é muito fácil, já que as pessoas são muito criativas para essas coisas.

9. As pessoas respiram religião por aqui. É muito fácil você encontrar uma igreja pelas cidades da região.

10. Dependendo do que você precise, as pessoas vão fazer de tudo para te ajudar a conseguir o que quer, e esse é o ponto mais importante desse post, já que é graças a algumas dessas pessoas que eu estou em fase de mudança, e, melhor, dando, até agora, tudo certo.

E ainda há quem me pergunte o porquê de eu amar tanto essa região 😉

5 de janeiro de 2018

Para você criar coragem e não deixar o medo te dominar


Primeiro post de 2018, e eu acho que não há tema melhor. Lembra quando eu disse que minha vida mudaria totalmente em 2018? Então, não está muito longe dessa mudança se concretizar, e, por isso, resolvi fazer esse post com alguns vídeos que externam meus pensamentos, diante de tanta muança na minha vida.

Esses vídeos me ajudaram MUITO! O medo continua, a insegurança continua, mas, depois que eu assisti a cada um, a vontade de mudar ainda persiste.

Eless são ótimos para fazer você criar coragem para algo que nunca pensou em fazer na vida. Então, se você está na fase de mudança, mas tem receio de algo, dá o play em cada um dos vídeos abaixo e sente só o milagre acontecer.

13 de dezembro de 2017

família, sol e mar :)



Gata Do Mês

Peeeense numa coisa pra que gostar de fazer ir à praia. Mas não com qualquer um, com a minha família. Primeiro, porque tudo é mais animado, e segundo porque eu não entro na cota da conta hehehehe!

Foi o que fizemos no último domingo (27). Moramos no litoral, numa das cidades onde o turismo é alto e mal vamos à praia por motivo de: não sei!

Aproveitei e fotografei um pouquinho, "bizoia" só!

P.s.: palmas para a minha tia que conseguiu bater algumas fotos com a 50mm :)

Laris!

Gata Do Mês
Gata Do Mês
Gata Do Mês
Gata Do Mês
Gata Do Mês
Gata Do Mês
Gata Do Mês
emerge © , All Rights Reserved. BLOG DESIGN BY Sadaf F K.