6 de setembro de 2015

Um dia diferente

Untitled

Foi em uma manhã de sábado que eu acordei e resolvi mudar a minha rotina daquele dia. Em vez de tomar só uma xícara de chá, resolvi sair da dieta e dar um pulinho na padaria mais próxima e comer uma cesta de pão de queijo,acompanhada por uma coca-cola. Um ótimo jeito para se começar o dia, definitivamente!

Era um dia bonito, ensolarado. Via-se uma grande quantidade de gente na rua, crianças brincando nos parquinhos e cachorros acompanhando seus donos em caminhadas. Pelo visto, o dia não nasceu bonito só pra mim!

Quando cheguei ao meu destino, fiz o meu pedido e sentei em uma mesa ao lado da janela, donde dava para ver a rua e sentir os primeiros raios de sol na pele. Foi quando eu estava observado o lado de fora da padaria, que eu reparei em um rapaz, de cabelos dourados e pele clara, sentado e lendo o que parecia ser um jornal. A beleza dele e o modo como ele lia logo me chamaram a atenção, fazendo com que eu esquecesse, por um instante, o meu lanche daquela manhã. Até que nossos olhares se encontraram, e, instantaneamente, eu me perdi naquele azul cor de mar. 

Instantes depois, ele se levantou e saiu. Acreditei que ele tivesse coisa melhor para fazer do que ficar olhando uma estranha. Segundos depois, alguém, ao meu lado, perguntou se a outra cadeira da minha mesa estava ocupada. Quando levantei o meu olhar para ver à quem pertencia aquela voz, me deparei com o mesmo par de olhos que estava me hipnotizando segundos atrás. Ao olhá-lo, dei um leve sorriso, e esse gesto bastou para que aquele sábado não fosse mais esquecido. Bastou um sorriso para o começo de uma nova amizade, que viraria algo mais intenso depois. 

Realmente, aquele sábado, aquela manhã, foram ótimos para se sair da rotina!

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...